terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Torcedora entra na Justiça para conseguir assistir ao jogo do Corinthians no Pacaembu

Uma corintiana que comprou ingresso para a partida desta quarta-feira contra o Millonarios, às 22h, no Pacaembu, entrou na Justiça com uma ação cautelar contra a medida da Conmebol que impediu a entrada de torcedores no estádio.

A entidade tomou a decisão após a morte de Kevin Espada, torcedor do San José, que foi atingido por um sinalizador disparado da área onde estavam os corintianos, em Oruro, na Bolívia. 

Lucelita Ferreira de Vasconcelos protocolou uma ação no Forúm de Pinheiros, na capital paulista. Ela espera obter uma liminar para ter acesso ao estádio nesta quarta-feira.

“Nos baseamos no Estatuto do Torcedor e no Código de Direito do Consumidor. Estou pedindo liminarmente que ela tenha acesso, nem que seja de forma individual. Vai dar margem, por exemplo, para torcedores entrarem de forma coletiva”, afirmou Paulo Cremonesi, advogado da torcedora.

“A Conmebol é uma entidade privada e não pode passar por cima de duas legislações brasileiras. Não é uma alteração de data, local ou cancelamento, mas sim o impedimento de uma pessoa que tem ingresso de entrar no estádio. Desrespeita o direito de ir e vir”, explicou Cremonesi.

O advogado do Corinthians, Luiz Felipe Santoro, afirmou desconhecer a iniciativa.

“Foi uma decisão individual dele. Não foi incentivada pelo clube, mas o Corinthians respeita o direito constitucional de qualquer torcedor”, disse.

Fonte: UOL Esporte