quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Bancários aceitam proposta e terminam greve em Campo Grande

Depois de nove dias, os bancários de Campo Grande e de outras 27 cidades de Mato Grosso do Sul decidiram encerrar a greve durante assembleia na noite desta quarta-feira (26).

A presidente do Sindicato dos Bancários de Campo Grande e Região (SEEB-CG), Iaci de Azamor Torres, afirmou que os trabalhadores resolveram aceitar as propostas apresentadas pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal.

Segundo Iaci, 200 funcionários de bancos aprovaram a proposta e sete votaram contra. O acordo aprovado, de acordo com a presidente do sindicato, traz reajuste de 7,5% para trabalhadores, aumento de 8,5% do piso salarial e do auxílio-refeição e auxílio-alimentação, elevação de 10% na parcela fixa da Participação nos Lucros e Resultados (PLR), além dos tetos da regra básica e do adicional.

A greve começou no último dia 18. Nesta quarta-feira, 85 agências bancárias na região do SEEB-CG ficaram fechadas, 80 só em Campo Grande, de acordo com presidente da entidade. Com o fim da paralisação, todas as agências devem abrir normalmente nesta quinta-feira (27).

Além da capital sul-mato-grossense, estão na área do sindicato Alcinópolis, Anastácio, Aquidauana, Bandeirantes, Bodoquena, Bonito, Camapuã, Chapadão do Sul, Costa Rica, Coxim, Corguinho, Dois Irmãos do Buriti, Figueirão, Guia Lopes da Laguna, Jaraguari, Jardim, Miranda, Nioaque, Pedro Gomes, Ribas do Rio Pardo, Rio Verde de Mato Grosso, Rio Negro, Rochedo, São Gabriel do Oeste, Sidrolândia, Sonora e Terenos.

Fonte: G1