quinta-feira, 12 de julho de 2012

TIM recebe pressão do governo para melhorar serviço

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, afirmou que as vendas de novos planos da TIM poderão ser suspensas e que a companhia terá de acelerar investimentos.

Paulo Bernardo disse que a eventual suspensão de novas vendas é uma possibilidade, mas seria o último recurso.

O ministro, entretanto, afirmou que algo precisa ser feito para melhorar a qualidade do serviço da operadora, ressaltando que o governo tem recebido muitas reclamações, mas não no Brasil todo, em cinco ou seis Estados.

Antes de medidas mais duras, o ministro disse que o governo dará um prazo para a TIM resolver os problemas e diminuir as reclamações, afirmando que a intenção não é prejudicar nenhuma empresa. 

Em maio, o ministro afirmou que o setor brasileiro de telecomunicações precisaria investir de R$ 24 bilhões a R$ 25 bilhões por ano.

Fonte: Reuters