quarta-feira, 11 de julho de 2012

Caxias não respeita resolução que proíbe uso de tachas e tachões para reduzir velocidade

Resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicada no Diário Oficial da União referente à instalação de ondulações nas vias públicas.

De acordo com a resolução, fica proibido o uso de tachas e tachões (famosa tartaruga) no sentido transversal à pista, como sonorizadores ou redutores de velocidade.

Em Caxias/MA, o uso desses tachões ou tartarugas tem sido frequente em várias ruas da cidade, sem falar que tem sido um incômodo na vida de muito motorista. Não se sabe, o porque o Ministério Público ainda não agiu requerendo um Termo de Ajustamento de Conduta, ou até mesmo ingressado com uma Ação Civil Pública para retirada imediata desses dispositivos.

Segundo o Contran, a resolução vem formalizar uma proibição que já existe. Pela norma de 1998, as ondulações podiam ser implantadas no sentido transversal da pista, desde que devidamente autorizados e segundo alguns critérios e padrões.

Podiam ser utilizados em locais onde se pretendia reduzir a velocidade do veículo, principalmente em ruas de grande movimentação de pedestres.

Os tachões são utilizados em sinalização rodoviária para divisão do fluxo de sentidos opostos e para o balizamento de interferências na pista. Também têm sido aplicados como alternativa para lombadas.

Finalmente considerando que a aplicação de tachas e tachões transversalmente à via como dispositivos redutores de velocidade, ondulações transversais ou sonorizadores causa defeitos no pavimento e danos aos veículos.

Fonte: Denatran