terça-feira, 29 de novembro de 2011

Consumidora compra um celular pela internet e recebe pelos correios um pedaço de madeira

Uma compra efetuada na internet, no site das lojas Americanas no dia 14 de novembro, resultou numa tremenda decepção a uma funcionária do Armazém Paraíba em Amarante. Ao fazer o pedido de um celular, cuja entrega levou 14 dias para acontecer, a consumidora, residente em São Francisco do Maranhão, recebeu na caixa, sem nenhum sinal de violação, um pedaço de madeira.

O produto seria um celular Nokia C2-06 que custou R$ 349,00. Segundo ela, a nota fiscal foi o único item correto, pois até a caixa estava errada, mesmo sem violação. O pedaço de madeira tem um peso equivalente ao do aparelho pedido.

”A única coisa que quero é a devolução do meu dinheiro. Não aceito reenvio do produto.”, disse a compradora ao tempo em que assegura que irá tomar as providências necessárias.

Após prestar queixas à Americanas, a empresa afirmou que precisava de um prazo de dois dias para tentar solucionar o problema.

Situações semelhantes vêm ocorrendo com grande frequência em todo o Brasil nos últimos anos. As delegacias de polícia normalmente não registram boletim de ocorrência por se tratar de crimes de internet, mas as vítimas desses crimes têm como opção o Procon e o Juizado de Defesa do Consumidor.

Fonte: Blog Amarante